Pin It

#servoluntariovaleapena

Não sei nem dizer qual foi a primeira vez em que eu me envolvi em uma ação de voluntariado. Sempre fui de me envolver com tudo ao mesmo tempo, desde a adolescência minha mãe me fala que eu quero abraçar o mundo. Me recordo que quando estava no ginásio a escola ganhou uma série de livros, tínhamos a sala livre mas nenhum funcionário, juntei uma turma e fomos organizar tudo. No Ensino médio também fui voluntária da biblioteca da escola, aonde também fui do jornal e do Grêmio estudantil, e mais tarde na faculdade novamente estava eu lá no jornal e na Empresa Júnior. O que ganhei com isso? Experiência, desenvoltura, iniciativa, diversas habilidades que levei comigo. Mas principalmente a postura perante a vida de não esperar pelos outros, de não se acomodar.

Hoje sou voluntária em iniciativas de politicas púbicas para a juventude apoiando a @JuventudeGuaru,  e do @ceodofuturo ong que busca contribuir para que jovens de baixa renda possam alcançar seu desenvolvimento por um programa que fortalece a atitude e o relacionamento pessoal e profissional. Não é novidade para quem acompanha o blog que acredito no protagonismo juvenil, mas infelizmente muitos ainda não sabem como direcionar suas habilidades, mas tem muita ideia boa apoiando esta galera, e eu tenho orgulho de ser voluntária de algumas. Quando vemos os benefícios de nossas ações no rosto do outro, tudo o que já falei que ganhei por ser voluntária se torna pequeno. E quando você se encontra ou reencontra através do voluntariado… revendo os projetos com os quais me envolvi, fico pensando poque escolhi me formar como administradora, sendo que sempre estive ligada a comunicação e as palavras (momento desabafo)….

Mas o que quero compartilhar mesmo é um fato interessante que aconteceu comigo recentemente no jornal da paróquia em que eu sou voluntária. Reunimos fotos antigas das capelas para contar a história de sua fundação, e depois do jornal diagramado prestei bem atenção e “surpresa”! Sou eu esta menina de bata azul, claro a foto está péssima, mas sou eu sim, vestida para uma apresentação que eu fiz diversas vezes quando criança.  Claro que achei muito bacana me ver como parte da história de algo.

Informativo comunitário que sou voluntária

Dia 05 de dezembro é Dia Internacional do Voluntariado, e o Conselho Brasileiro de Voluntariado Empresarial – CBVE convidou o @Avidaquer para organizar uma blogagem coletiva. Como a @Samegui lembrou, a campanha em comemoração à data objetiva reforça que ser voluntário é positivo, tanto para quem faz como para quem recebe o gesto e que o voluntariado pode ser feito no dia a dia e mesmo em pequenas ações, algumas delas acontecendo no ambiente digital.

Comments

comments

6 comentários sobre “#servoluntariovaleapena

  1. Pingback: Sustentável 2.0

  2. Pingback: Aline Kelly

  3. Pingback: Sustentável 2.0

  4. Pingback: Sustentável 2.0

  5. Pingback: Bruno Lira ☠

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: