Pin It

Meu #DiaMundialSemCarro

Hoje já teve:
– lotação
– trem da #cptm
– 2 k de caminhada
– 4 ônibus da #sptrans
– pedal até o #metrosp
– após percorrer 2 linhas de metrô ainda seguirei mais um trecho de #bikesampa

Em boa parte deste trajeto as meninas estavam comigo,  e neste momento enquanto vou para o meu curso,  elas voltam para casa de carro com o pai.

Pois o #DiaMundialSemCarro não é  para “demonizar”  o automóvel,  mas para propor a quem se locomove exclusivamente com este modal, cogitar meios alternativos de transporte,  e para questionar o #carrocentrismo.  A palavra talvez nem exista,  mas é usada pra falar sobre o fato das nossas vidas,  e de nossas cidades,  girarem  em torno do automóvel.

Ao retornar para casa eu ainda terei + 1 ônibus municipal,  2 linhas de metrô e 1 ônibus intermunicipal pela frente. Nada diferente da realidade de boa parte dos 26 milhões que moram na grande São Paulo.

Mas sabe o que é  doido? Apesar de boa parte da população se locomover de transporte público,  os carros são  responsáveis por 2/3 do nosso trânsito, e a média de ocupação dos automóveis em uma cidade como #saopaulo,  é  de menos de 1,4 usuários,  sendo que a maior parte dos carros circulam com somente 1 ocupante (o @movebla fez um post ótimo falando exatamente sobre como podemos mudar essa realidade –  dica: carona e car sharing).  É por isso que datas como hoje são necessárias.

Leia também: É preciso desamarrar a cidade!

image

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: